5.9.14

Emagrecendo a mente. É possível?

Assisti algumas palestras do Dr. Sidney Chioro ele estudou muito sobre o impulso de comer... médico neurologista com especialização em psiquiatria


Ele diz que ao invés de brigar com a comida e com a balança, o método de emagrecimento delo permite que a pessoa coma de tudo o que gosta e ataca as três principais causas da gordura que são o impulso de comer, a retenção intestinal e de líquidos e a resistência ao emagrecimento.

Entre varias coisa que ele disse eu separei algumas que me chamaram atenção vamos ver o que vocês acham...


"Pessoas gordas estão cheias de limitações

O magro tem mais prazeres do que limitações

Corpo magro não e opção é necessidade

Nós não fomos feitos para ser pesados nosso corpo não foi projetado para isso.

Gordura no figado vai matando o seu figado aos poucos e dai saem varias doenças.

O jeito de comer é um grande aliado do engordar.

Prazer emocional engorda.

Prazer verdadeiro em satisfazer se não engorda

Trabalhe na sua mente os motivos que te levam a comer e se for algo que te leva para coisas ruins não coma!

Comer pouco para ser magro... como você explica os magros que comem muito e sempre estão magros?

Em quanto tempo você come? em qual ambiente

Não brigue com a comida"

Coloca a gente pra pensar né?

claro que pensar antes de comer nao e facil, ate hoje eu luto com pensamentos que tentam me sabotar, mas quando eu assisto essas coisas eu fico com a consciencia mais pesada ao ver as tranqueiras pela frente!


ufa quem me dera conseguir viver de comida limpa natural tudo lindo colorido... mas nao gente a realidade nao e essa! a mentalidade de gordinha sempre presente, por cuidado a cada refeicao!


"o covarde nunca tenta o fracassado nunca termina e o vencedor nunca desiste"



11 comentários:

  1. Que gordo que não come emoções? Que gordo que está em alguma dieta, R.A sei lá o que que se satisfaz com o que come? Eu todo dia mentalmente como pudim, bolo de chocolate, biscoito, bolos etc, claro que só mentalmente( quase sempre!) faço porque sei que devo e alguns dias de tristeza com a dieta penso " Vale a pena? Estou feliz? Mais como não estava dando p ser feliz com 140 kg continuo seguindo, e não acho que corpo magro seja uma necessidade acho que isso é mais relacionado com estético, tem gordinhos com a saúde lá em cima, são super ágeis porem sempre com a estigma que estão com a saúde em risco, eu como experiencia pessoal faço todo dia 12 km de caminhada, limpo casa, cuido do meu pai que acamado me alimento o mias saudável possível e esses dias uma senhora me parou p me dizer que eu tomasse água de berinjela p emagrecer, porque assim no meu peso era perigoso ter um infarto! Um Grande abraço adoro seus post's.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo5/9/14

    É verdade, mudar a cabeça é muito difícil, fica mais fácil quando você "leva um susto" depois que descobre que está com alguma doença, mas muitas vezes isso não acontece e a gente passa muito tempo se privando de coisas por não estar com um corpo saudavel. Vamos mudar nossa cabeça já! Força pra vc tb, estamos juntas nessa caminhada. Bjão. :-)

    ResponderExcluir
  3. É complicado mesmo né. Por isso que toda mudança tem que ser gradual, tem que ser de corpo e mente...

    ResponderExcluir
  4. verdade amiga, se tivermos controle sobre nosso pensamento, com certeza fica mais fácil emagrecer. Mudar a mente juntamente com a mudança de hábitos, tem que ser assim. bjusssss amando as postagens

    ResponderExcluir
  5. Muito certo o que escreveste ...

    ResponderExcluir
  6. É engraçado de que desde quando comecei a fazer regime, o ponto principal, na minha cabeça, dos programas que vou fazer, é a comida. Aos poucos estou mudando isso, porque acredito que isso foi uma das razões que fiquei depressiva. agora novamente estou a admirar as pequenas bençãos da vida, coisa que não fazia mais e acabava que toda minha expectativa de felicidade colocava na comida!!

    ResponderExcluir
  7. disse tudo amiga!
    adorei o post e bem isso mesmo que acontece!!!!
    participei de palestras sobre obesidade e achei maravilhosas viu!!!!!
    retribuindo sua visita no meu cantinho e ja to seguindo!
    beijos

    ResponderExcluir
  8. É possível sim emagrecer a mente, mas é um processo muito lento e só funciona com hábitos saudáveis, nunca com dietas.

    Já fiz a experiência de passar um tempo observando os magros que comem muito. rs Mas em todos os casos percebi que ou eles não comem besteiras fora de hora, ou não gostam de doce, mesmo comendo um pratão no almoço, o comportamento deles é diferente do nosso em algum horário.

    ResponderExcluir
  9. É bem interessante, eu consigo me policiar um pouco mais.
    Mas a comida e o ego estão juntos, se seu egoo for pro lixo a sua alimentação vai junto.
    A mudança vem de dentro pra fora, acho que uma auto analise é mto bom.

    beijokas

    ResponderExcluir
  10. Olá Sra. Redonda, o título da sua postagem me chamou a atenção. Iniciei esta semana acompanhamento com psicóloga voltado especificamente a obesidade. Sempre tive impulso, como quando estou triste, feliz, chateada, irritada, enfim... sabe como é né?! Na primeira sessão já ouvi muitas verdades que nós sabemos porém ignoramos. Super recomendo a terapia, nos ajuda no controle na hora de comer, a nos conscientizar mais, pensar melhor, fazer escolhas melhores. E o melhor de tudo, é que posso comer de tudo o que quiser! Hahahaha... me visita ;) Aguardo dicas ou puxões de orelha!

    ResponderExcluir
  11. Oii flor! Muito legal o post, me chamou atenção a parte "comer pouco pra ser magro... mas e os magros que comem muito e continuam magros?" realmente é um bom questionamento rs... o jeito é trabalhar a mente mesmo, é o melhor caminho.. ensinar o nosso cérebro o que é bom e o que nao é :)
    Continue assim, chegaremos longe! :D

    missaobiquini.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

=^^= Comentário =^^=