25.5.15

M E D O de E m a g r e c e r?

Será ?

Você está sempre em algum tipo de dieta, mas nunca conseguem atingir sua meta de peso? 
Será que cada novo plano de alimentação e exercício físico têm uma vida útil de cerca de uma semana? 
Você pode culpar sua falta de força de vontade, mas isso é apenas um sintoma de um poderoso obstáculo: seus medos ocultos sobre a perda de peso. 
Dirigindo-se deles poderia ser o passo mais importante que você nunca tomou para emagrecer e manter um corpo saudável.





Comer para anestesiar os seus sentimentos pode levar você a evitar fazer mudanças importantes.

Escolha confortos não alimentares. 

Carregando peso extra pode, tornam-se a desculpa de que você dá a si mesmo por não enfrentar contratempos, ou para optar fora das coisas que empurrá-lo para fora de sua zona de conforto. Culpando o seu peso para tudo isso pode se tornar um escudo que você esconde atrás.

A perspectiva de perder esta muleta emocional pode deixar você sentir tão vulnerável que você evita alterar sua alimentação ou hábitos de exercício.

Algumas pessoas que ganham peso sentem que não merece o sucesso ou a felicidade e culpam o seu peso como sendo responsável por tudo o que não da certo na vida. 

Soa familiar? No fundo, o que você realmente teme é que se você perder peso, as coisas vão continuar não mudando! E você sempre depositou seu excesso de peso em tudo que não quis correr atrás para alcançar! Você se acomodou!

Estar acima do peso é mais fácil!  é rotineiro! tudo é desculpa para comer! tudo é motivo para descontar na comida! fazer exercício é chato então é mais fácil ficar como estar por que emagrecer da trabalho!

E lá no sub consciente ainda tem pensamento sabotadores para o futuro... vou me envergonhar por recuperar o peso... então mais uma vez é melhor não emagrecer do que sofrer pressão e medo de humilhação!

Manter o excesso de  peso que você tem pode parecer o menor risco, mas, na realidade, o excesso de peso é um risco enorme e isso nós sabemos bem... diabetes e doenças cardíacas, acidente vascular cerebral entre outros!

Mais e ai Quel quando você começou superar esse medo e o que fez?

Na verdade ainda não superei ele sempre tenta aparecer deixando eu crente de que se comer agora depois eu recupero ou que é um dia especial e preciso comer muito ou que essa é a última vez que comerei sem hora para acabar... mas como nada acontece do dia para noite eu fui fazendo algumas estrategias para me enganar!

Vá devagar. coloquei na minha cabeça que demorei muito tempo para engordar então não vou chegar nos 60 e poucos em meses! para quem consegue parabéns! mas eu não funciono assim!

Estabeleça metas realistas um quilo ou dois por mês. já consegui eliminar 10 quilos em 50 dias... recuperei em menos de 30 dias!

Pese-se menos. Isso vai impedir que você seja desanimado com pequenas flutuações diárias que são devido aos hormônios e retenção de líquidos, eu costumava me pesar até 10 vezes ao dia, hoje que posso me considerar mais "normal" me peso 1, ainda é muito mais já da para notar que a ansiedade melhora!

E claro! meu blog, ou seja vocês! Saber que de alguma forma ajudo as pessoas e também sou cobrada por elas... me faz tentar fazer a cada dia meu melhor e quando isso não acontece minha consciência pesa muito, ai me faz recomeçar!


Fiz esse "antes e agora" lá no instagram @nutrindoabeleza

Ah e se uma pessoa perto de você não "pode" apoiar o seu desejo de se tornar mais saudável e feliz, então você deve dar uma boa olhada de perto e decidir se realmente essa pessoa merece estar no seu circulo de amizades.

E outra coisa, nada de ficar igual louco falando sobre peso até com quem senta do seu lado rsrsrs... já fiz muito isso e para falar a verdade o que vale numa pessoa jamais sera a beleza exterior e sim o interior!

Quanto ao exterior (PESO GORDURA E CIA) deixa para conversar aqui no blog que a gente gosta disso e entende tudo que que vocês estão sentindo!

9 comentários:

  1. Adorei o seu post Quel! Tão verdadeiro e motivacional. Obrigada por compartilhar conosco essa reflexão que também nos ajuda um pouco!
    Quanta diferença entre as fotos! Você está linda!

    Um beijinho

    ResponderExcluir
  2. Só nos resta perder esse medo e seguir em frente... viver sem as muletas realmente é desafiador!

    ResponderExcluir
  3. É isso ai um dia de cada vez, sem metas mirabolantes simplesmente seguindo em frente, bjs

    ResponderExcluir
  4. Perfeito.Medos ocultos...as vezes nem tão ocultos assim.

    bju

    ResponderExcluir
  5. Me identifico e muiiiito. Ja bati minha meta e perguntei: e agora? o que fazer? e desanimei. Agora voltar aos habitos antigos ara recuperar esse tempo perdido tá dificil.
    Devemos sim estabelecer metas possíveis e não desistir. Mas tbm n adianta muito ficar olhando para trás, já que nossa meta está a frente.

    Adorei o post.

    Obrigada!

    Bruna

    ResponderExcluir
  6. Muito interessante!! Passando para conferir as novidades e convidar você para curtir o meu cantinho: http://avidafitness.blogspot.com/

    Tenha uma ótima semana... bjos

    ResponderExcluir
  7. Uauuuuuuuuuuuuuuuu!
    Seu "antes e depois" é incrível! Parabénssss, Quel !!
    Muleta emocional...interessante isso...é muito mais fácil se afogar em uma caixa de chocolate, né ?
    Bj
    Ca

    ResponderExcluir
  8. Oi Quel vim te desejar um bom dia e me deparo com este post na tua listinha de posts amei , obrigada por dividir sua experiência , bjs Dani

    ResponderExcluir
  9. Quel, me identifiquei muito com seu post... Acho que me vejo bem com esse medo de conseguir... não sei o que fazer pra trabalhar minha cabeça, mas sei que preciso conscientizar que mereço o sucesso! Sou uma pessoa esclarecida, já fui em nutróloga, endócrino, nutricionista, fiz dieta da usp, dukan, dieta dos pontos... emagreci e engordei... já tentei academia, mas detesto, e estou tentando regressar nas caminhadas... como qualquer outra mulher, trabalho, tenho uma casa para cuidar... e estou no meu último período da faculdade. Não me falta stress e tbém não me falta motivos pra seguir adiante, pois sei que quem quer faz, embora nem sempre eu aja conforme esse ditado. Te acompanho faz tempo, embora tenha estado distante da blogsfera, me lembro qdo emagreceu 10kg em 50 dias. Percebo hoje que vc prossegue com seu objetivo de emagrecer, porém, me corrija se eu estiver errada, pelo que li numa breve olhada em suas publicações, vc não está adotando uma alimentação restritiva, e é este caminho que quero seguir: comer comida de verdade, buscar saúde, mas obvio, estar de bem com meu corpo, emagrecer, pois apesar de acreditar que o principal é estar feliz, eu não estou feliz com todo este peso, e não me aceito assim, sendo assim preciso mudar, preciso ir na direção que desejo. Desculpe o desabafo, mas vejo vc como pessoa real, diferente do que existe em montes na blogsfera, pessoas perfeitas, que sempre conseguem, que não desanimam... sei lá... acho que essa frustração, diante tantos fracassos, mexe muito comigo... desculpe o incomodo...

    ResponderExcluir

=^^= Comentário =^^=